Miniconto – Realidade e Perfeição

Por Dede Lovitch

Num certo tempo em uma certa escola dentro de uma certa atividade extracurricular, meu sobrinho, João Gabriel, foi abordado pelo professor e sua tutora, que conduziam uma aula de agrimensura:

“João, você precisa elaborar a tarefa com mais precisão, buscar maior perfeição”.

E ele olhou bem para os dois e disse:

“Por realidade e perfeição, compreeendo a mesma coisa”

Imediatamente a tutora perguntou:

“João, quem disse isso? Onde você viu isso?”

Ele rapidamente responde:

“No Ética de Spinoza”

Então ela com um tom autoritário responde:

“Ele está errado, nós como seres humanos devemos buscar a perfeição”

João Gabriel percebendo que uma discussão não o levaria a lugar nenhum, soltou um “OK” sem muita intonação especifica.

Os adultos continuaram suas falas com mais alguns argumentos, que se tornaram irrelevantes nessa narrativa, e fecham com a seguinte afirmação:

“Sendo assim, você deveria ler menos e focar mais naquilo que a gente te pede”.

João Gabriel agora tem 18 anos, saindo do ensino médio ( na mesma escola) e está escrevendo seu TCC sobre “Ética” de Spinoza.

etica

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s