Vamos escrever sobre isso?

Por Paty Juliani

Não sabemos nem por onde começar.

Teríamos que dizer de nossos percursos, de nossas conversas todos esses anos, das distopias que assistimos nas telas mas que traduzem, de maneira tão latente, um caminhar a passos lentos de uma realidade para a barbárie.

Do que é sermos mulheres e não sermos donas de nossos próprios corpos.

Do medo de sermos mães de meninas, por sabermos o que elas passarão ao longo da vida.

Da incompreensão sobre a infância e sobre o tempo que temos que perder depois, como adultos, para refazer esses equívocos.

Escrever sobre isso dói demais.

Porque escrever sobre isso, seria escrever, também, sobre um país que é o projeto de algo que não está dando certo. Que não protege seu povo, sua história, suas crianças.

Falhamos!

E nosso luto tem sido longo demais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s